Início / Silagem de gramíneas temperadas

Silagem de gramíneas temperadas

O capim pode ser considerado a forragem mais versátil disponível para os produtores. A silagem de capim de alta qualidade geralmente é cultivada em campos mais férteis, com variedades capazes de produzir quantidade e qualidade. O processo de fermentação em gramíneas não é muito diferente de outras culturas, como milho ou alfafa, mas existem algumas particularidades durante o processo fermentativo.

A variedade escolhida para ser ensilada deve considerar fatores como conservação e disponibilidade sazonal para pastagem.

Maturidade

A produtividade e a qualidade são fatores importantes a serem considerados na colheita de gramíneas. Com o avanço da maturidade, ocorre aumento na quantidade de forragem e diminuição da qualidade. As gramíneas normalmente devem ser colhidas no estágio de pré-florescimento, com pelo menos 10% de carboidratos solúveis. A maioria das gramíneas forrageiras perde qualidade muito rapidamente após o florescimento. Como em algumas gramíneas não ocorre florescimento no segundo e terceiro cortes, é aconselhável cortar a planta de acordo com a altura, ao invés de dias de crescimento ou estágio de maturidade.

Se houver uma grande área para colher, todos com a mesma maturidade, pode ser necessário iniciar a colheita vários dias antes do estágio ideal. Isso prejudicará a produtividade, mas resultará em maior qualidade da silagem. O capim colhido antes do florescimento geralmente apresenta melhor rebrotação após a colheita.

Com relação a cultivos consorciados de gramíneas e alfafa, a lavoura deve ser manejada de acordo com a maturidade da alfafa. A colheita deve ser feita de acordo com a maturidade da gramínea somente quando esta representar mais de 50% do estande de plantas.

 

Matéria seca

As gramíneas começam a perder açúcar logo após serem cortadas. Esses açúcares são o substrato utilizados pelas bactérias para a fermentação. A chave para a silagem de gramínea de alta qualidade é secar a planta em um nível adequado de matéria seca (MS) o mais rápido possível.

 Estágio de colheita % MS
SilagemIniciando a inflorescência28-35%
Silagem em fardosIniciando a inflorescência45-55%

Se a gramínea for ensilada muito seca, a compactação adequada será dificultada. A chance de fungos e instabilidade aeróbia aumenta. Isto pode diminuir a quantidade de proteína disponível para o animal. É importante fazer o pré-emurchecimento até o nível de MS apropriado para a ensilagem.

Altura de corte

A recomendação da altura de corte é um pouco mais alta para gramíneas, entre 9 a 10 cm, pois as gramíneas armazenam energia na base das hastes, em vez das raízes. Além disso, alturas de corte mais altas reduzem o risco da contaminação por terra.

Acima de 30% MS, não corte a planta com tamanho de partículas maiores que 1,5 cm. Este tamanho de partícula otimiza a eficiência de aproveitamento da fibra e auxilia no processo de fermentação. Abaixo de 30% MS, há menores riscos de deterioração e pode ser usado um tamanho de partícula maior – entre 2 a 5 cm.

Corte da planta

Após o corte, secar a forragem em leiras largas fará com que a planta desidrate mais rapidamente e também irá conservar mais açúcares das plantas. As gramíneas geralmente têm concentração mais baixa de açúcar que o milho; por isso, é importante conservar os açúcares das plantas.

Cortar o capim à tarde, após uma manhã ensolarada, resulta em níveis mais altos de açúcares solúveis, mas muitos desses açúcares serão perdidos se a forragem permanecer no campo por longos períodos. Para obter melhores resultados, corte e colha no mesmo dia. Os tempos de secagem variam de acordo com a variedade e as condições climáticas.

Desafios

A contaminação por terra é comum em silagens pré-secadas . O excesso do teor de cinzas pode aumentar o risco de prejudicar a fermentação e estragar a silagem. Produtores devem buscar manter o teor de cinzas abaixo de 10% de massa seca:

  • Plantando variedades que se mantenham eretas;
  • Fazendo colheitas mais cedo;
  • Elevando a altura de corte;
  • Usando ceifadoras de lâminas planas;
  • Minimizando o contado da leira com terra;
  • Evitando que os dentes do ancinho toquem o chão;
  • Minimizando o espalhamento horizontal das plantas;
  • Armazenando a silagem em uma área concretada.

Devido aos seus níveis mais baixos de açúcares, a deterioração pós-abertura da silagem de gramíneas geralmente é menos problemática em comparação com a silagem de milho. No entanto, a formação de ácido butírico em forragens com baixo teor de MS é um problema maior quando as forragens são deixadas no campo durante a noite.

Os problemas causados pelo tráfego de equipamentos são fontes de danos às plantas normalmente ignoradas a campo. Evite o trânsito desnecessário pela lavoura e considere o uso de tratores pequenos e evite o uso de tração.

Um componente crítico para a silagem de alta qualidade é a rápida queda no pH. A silagem de gramínea normalmente pode ter uma capacidade tampão mais alta ou maior resistência a uma mudança no pH. Esta resistência é determinada por componentes vegetais, como compostos orgânicos, açúcares solúveis, proteína bruta e cátions como potássio. Portanto, o uso de um inoculante microbiano efetivamente comprovado por pesquisas científicas independentes é importante para produzir silagem de alta qualidade, especialmente se a forragem precisar ser ensilada com baixo teor de MS. Clique aqui para obter mais informações sobre opções de inoculantes.

Com as variedades de capins com alto teor de açúcar, este nutriente atua como um excelente substrato para os microrganismos realizarem o processo de fermentação e também de deterioração. Como resultado, o manejo do processo de ensilagem e da retirada de silagem deve ser ideal para maximizar os benefícios potenciais dessas variedades. O aumento dos níveis de açúcares está diretamente associado ao aumento dos níveis de ácido lático na silagem e aos maiores níveis de açúcares residuais, os quais estimulam a instabilidade aeróbia se a silagem não for manejada corretamente. Se houver histórico de problemas de aquecimento, deve-se usar um inoculante contendo Lactobacillus buchneri.

Leitura adicional

Confira esses recursos escritos por especialistas em silagem para obter mais informações sobre a produção de silagem de gramínea.

A Lallemand Animal Nutrition não pretende, neste guia ou em qualquer outra publicação, especificar padrões mínimos de segurança ou legais ou abordar todos os requisitos de conformidade, riscos ou problemas de segurança associados ao trabalho nas fazendas ou em seu entorno. Este guia destina-se a servir apenas como um ponto de partida para informações e não deve ser interpretado como contendo todas as informações necessárias de conformidade, segurança ou advertência, nem deve ser interpretado como representando a política da Lallemand Animal Nutrition. Nenhuma garantia, garantia ou representação é feita pela Lallemand Animal Nutrition quanto à exatidão ou suficiência das informações e diretrizes contidas neste documento, e Lallemand Animal Nutrition não assume qualquer responsabilidade ou responsabilidade em relação às mesmas. É responsabilidade dos usuários deste guia consultar e cumprir as leis, regulamentos e padrões de segurança locais, estaduais e federais pertinentes.